Vítor Pereira tem segundo melhor início de um técnico do Corinthians na história da Arena

O técnico Vítor Pereira tem o segundo melhor início de um treinador do Corinthians na Neo Química Arena desde a inauguração do estádio, em 2014. Depois de sete jogos comandando o time no banco de reservas, alcançados no empate contra o São Paulo, o português só fica abaixo de Tite em termos de aproveitamento no local.

Desde que chegou ao Timão, Vítor Pereira somou cinco vitórias e dois empates em Itaquera, somando 81% dos pontos disputados. Ele ainda viu a equipe derrotar o Boca Juniors por 2 a 0 na Libertadores, mas quem esteve no banco foi Filipe Almeida, seu auxiliar. Na ocasião, o português foi diagnosticado com Covid-19.

O único que registrou um aproveitamento superior foi Tite, que teve seis vitórias e um empate nos seus primeiros encontros na Arena – não entra na conta o amistoso contra o Corinthian-Casuals pois o time inglês nem profissional é.

O hoje técnico da Seleção, por outro lado, teve apenas jogos do Campeonato Paulista e um da Libertadores da América no início do seu trabalho em 2015. Nível um pouco mais baixo do que o Brasileiro, competição que Vítor Pereira mais disputou em Itaquera.

Vários outros nomes da história recente alternam entre 57% e 66% de aproveitamento nos sete primeiros jogos, diferença que um empate ou uma derrota pode fazer em um campo de análise ainda pequeno. O único que destoa é Sylvinho, com apenas 23% na sua arrancada inicial.

Confira os primeiros sete jogos dos técnicos do Corinthians na Neo Química Arena

1. Tite – 90% de aproveitamento2. Vítor Pereira – 81% de aproveitamento3. Cristóvão Borges – 66% de aproveitamentoFábio Carille I – 66% de aproveitamentoMano Menezes – 66% de aproveitamentoOswaldo de Oliveira – 66% de aproveitamento**Tiago Nunes – 66% de aproveitamento8. Fábio Carille II – 57% de aproveitamentoDyego Coelho – 57% de aproveitamentoOsmar Loss – 57% de aproveitamento11. Jair Ventura – 52% de aproveitamento12. Vagner Mancini – 47% de aproveitamento13. Sylvinho – 23% de aproveitamento

**não completou sete jogos

E mais! Confira análise sobre situação de Róger Guedes no Corinthians

Notícias relacionadas

Notícias relacionadas Tite reforça carinho e não descarta voltar ao Corinthians, mas nega retorno ao Brasil em 2023 Exames não apontam lesão grave em Cássio, mas goleiro segue como dúvida contra o Always Ready Róger Guedes perde espaço com Vítor Pereira e atua apenas 27% dos minutos do Corinthians em maio

Veja mais em: Vítor Pereira, Técnicos do Corinthians, Campeonato Brasileiro e Neo Química Arena.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.