Renato Augusto completa 90 minutos após dez partidas no Corinthians e apresenta evolução física

O meia Renato Augusto voltou a começar e terminar uma partida pelo Corinthians após 40 dias. "Gerido" em meio ao rodízio do técnico Vítor Pereira, que usa o verbo para falar sobre a minutagem dos atletas mais experientes, o camisa 8 ficou em campo durante todo o empate por 1 a 1 com o São Paulo, no domingo, na Neo Química Arena.

A última vez em que o armador corinthiano havia conseguido ficar pelos 90 minutos em campo tinha sido no dia 13 de abril. O fato aconteceu na vitória por 1 a 0 sobre o Deportivo Cali, pela Libertadores, também em Itaquera.

Desde então, Renato Augusto foi titular em cinco ocasiões, reserva utilizado em três e não entrou em campo nas partidas da terceira fase da Copa do Brasil, contra a Portuguesa, do Rio de Janeiro – nem sequer viajou para o duelo de ida.

Nas vezes em que começou os duelos, Renato teve boa participação nas partidas contra o Red Bull Bragantino e o Internacional. Na primeira, ficou até os 37 minutos do segundo tempo, marcando até o gol da vitória da equipe. Na segunda, saiu apenas aos 40 da etapa final.

A gestão da minutagem do armador é vista como essencial pela comissão técnica para que ele e outros nomes mais experientes do elenco consigam chegar em boa condição na reta final da temporada. É raro ver um atleta acima dos 30 anos jogar dois jogos seguidos desde a instauração do rodízio.

E mais! Confira análise sobre situação de Róger Guedes no Corinthians

Notícias relacionadas

Notícias relacionadas Jô credita crescimento individual no Corinthians a Vítor Pereira e ressalta apoio da Fiel Conmebol multa Boca por racismo; valor é menor que pena ao Corinthians por propaganda no banco Vítor Pereira mostra irritação e diz que clássico foi o primeiro em que preparou Corinthians

Veja mais em: Renato Augusto e Vítor Pereira.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.