Júnior Moraes cresce em série recente e tenta primeira titularidade pelo Corinthians na Libertadores

O atacante Júnior Moraes cresceu bastante na série recente de jogos do Corinthians e busca primeira titularidade pelo clube na quinta-feira, contra o Always Ready, na Libertadores da América. O desempenho vem seguindo uma linha de relevância cada vez maior com o passar do tempo.

Depois de um início conturbado como todo o time na reta final do Campeonato Paulista, o centroavante trazido do futebol ucraniano tem participado mais dos jogos e já foi importante em alguns triunfos do Corinthians.

Contra o Fortaleza ele até abriu o placar, mas teve o lance anulado pela arbitragem por toque involuntário no braço. Depois, no segundo tempo, triscou em cruzamento de Maycon e a bola acabou batendo no zagueiro adversário, caindo dentro do gol.

No seu outro jogo como titular, abriu o caminho para a vitória por 2 a 0 sobre a Portuguesa, do Rio de Janeiro, na Neo Química Arena, inaugurando o marcador como atleta corinthiano. Na semana anterior, na Colômbia, tinha sofrido um pênalti já na parte final da partida, desperdiçado pelo lateral Fábio Santos.

Moraes ainda teve participação decisiva no clássico contra o São Paulo, no domingo, dando bom passe para Lucas Piton cruzar na cabeça de Adson. Chamou a atenção ainda sua reação na comemoração enquanto Adson prolongava sua estadia em frente à torcida. "Vamos, vamos logo", disse o centroavante, que confiava em uma vitória.

Com esse espírito de liderança, exaltado desde a atuação no auxílio a brasileiros para deixar a Ucrânia em meio à guerra contra a Rússia, o camisa 18 procura ainda mais espaço no elenco daqui para frente.

Notícias relacionadas

Notícias relacionadas Mantuan ressalta importância de jogo contra o Always Ready para metas do Corinthians na Libertadores Lucas Piton chega à décima assistência no profissional do Corinthians e mantém média de destaques Corinthians atualiza quadro de atletas do departamento médico; dupla é liberada

Veja mais em: Júnior Moraes, Campeonato Brasileiro e Libertadores da América.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.