Conmebol confirma sede da Libertadores Feminina 2022; Corinthians busca tetracampeonato

Nesta quinta-feira, a Conmebol anunciou a cidade sede da Libertadores Feminina 2022. A disputa acontecerá em Quito, no Equador, entre os dias 13 e 28 de outubro. O Corinthians é um dos participantes da competição.

"Sede confirmada! A CONMEBOL #LibertadoresFEM 2022 será realizada entre os dias 13 e 28 de outubro, em Quito, no Equador", escreveu o perfil oficial da competição no Twitter – veja publicação abaixo.

A Conmebol ainda não divulgou os palcos dos confrontos. O Corinthians Feminino é o atual campeão da competição. Além do Timão, Palmeiras e Ferroviária também estarão na briga pela taça.

O Corinthians confirmou uma vaga na competição após conquistar o título em 2021. Além disso, as Brabas também iriam à competição por ter conquistado o Brasileirão na temporada passada. O rival se classificou por ser vice-campeão no Brasileiro, enquanto a Ferroviária ficou com a vaga por ser o terceiro lugar na última edição da Libertadores.

Esta será a 14ª edição da Libertadores Feminina. O Brasil tem dez títulos, sendo Corinthians e São José os maiores campeões, com três taças cada um. Ferroviária e Santos têm dois títulos cada. As corinthianas conquistaram os títulos em 2017, 2019 e 2021.

Na última temporada, vale lembrar, além da Libertadores e do Brasileirão, o Corinthians Feminino também conquistou o Paulistão. Assim, a equipe foi a primeira a conquistar a Tríplice Coroa no futebol feminino brasileiro.

Em tempo: na temporada 2022, o Corinthians já conquistou o título da Supercopa Feminina do Brasil. As Brabas, agora, estão na disputa do Brasileirão, em que ocupam a segunda colocação, um ponto atrás do Palmeiras. Pela competição nacional, as corinthianas recebem o Avaí/Kindermann, às 14h, na Fazendinha. O duelo está com ingressos à venda.

Confira a publicação da Conmebol

Reprodução/Twitter

Veja mais em: Libertadores da América e Corinthians Feminino.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.