Brasileirão: Corinthians pode troca dois jogadores por atacante ex-Internacional


Brasileirão: Corinthians pode troca dois jogadores por atacante ex-Internacional

O Zenit já estava de olho no Mantuan desde quando o jogador começou sua carreira profissional e para levar o Yuri o técnico Sergey Semak exigiu ter o jovem meia do Timão

O Corinthians tem interesse em atacante do Zenit, mas para ter o jogador precisa se desfazer de dois jogadores, um deles é o Gustavo Mantuan

Categorias: Grandes clubes de São Paulo

Por: Agência Futebol Interior, 25/06/2022

Gustavo Mantuan, meia do Corinthians. (Foto: Rodrigo Coca/ Ag Corinthians)

São Paulo, SP, 25 (AFI) – Após a saída do atacante Jô, o Corinthians foi ao mercado e está perto de fechar por empréstimo de uma temporada com o atacante do Zenit e ex-Internacional, Yuri Alberto, de 21 anos, em troca o time russo pede o meia Gustavo Mantuan e o goleiro Ivan.

O Zenit já estava de olho no Mantuan desde quando o jogador começou sua carreira profissional e para levar o Yuri o técnico Sergey Semak exigiu ter o jovem meia do Timão. O meia pode render ao Corinthians R$ 55 milhões, já que o Timão tem 90% do direitos do jogador.

Gustavo Mantuan, meia do Corinthians. (Foto: Rodrigo Coca/ Ag Corinthians)

VER SE VÃO SAIR DO CORINTHIANS

Ivan e Mantuan estão em concentração para a partida contra o Santos neste sábado (25) na Neo Química Arena, às 19h, pelo Brasileirão. Ambos os jogadores são agenciados pela Elenko Sports, dos empresários Fernando Garcia e Guilherme Miranda e uma conversa com os diretores do clube paulista vai definir se os jogadores vão ou não serem incluídos na transação.

SOBRE O YURI

Yuri Alberto começou na base do Santos e logo subiu para o profissional, mas quando o Peixe quis renovar o atacante se recusou e foi para o Internacional. Yuri já está no Brasil tirando férias na cidade de São José dos Campos. Em sua conta no Instagram o jogador já tirou sua foto com a camisa do Zenit da foto de perfil.

POR CONTA DA GUERRA

Por conta da guerra entre a Rússia e a Ucrânia, a Fifa estendeu a possibilidade dos jogadores que jogam em um dos dois países suspenderem seu contrato até o meio do próximo ano caso não entrem em acordo com seus clubes e era assim que o Corinthians tentou contratar o atacante.

Confira também: