Corinthians assina com Caixa para pagar dívida de R$ 611 mi do estádio em 20 anos


Corinthians assina com Caixa para pagar dívida de R$ 611 mi do estádio em 20 anos

Desde 2020 que ambos vinham negociando uma nova maneira de chegar a um acordo pelo pagamento da dívida

Categorias: Grandes clubes de São Paulo

Por: Agência Estado, 25/07/2022

Neo Química Arena, estádio do Corinthians. (Foto: Rodrigo Coca/Agência Corinthians)

São Paulo, SP, 25 (AFI) – A diretoria do Corinthians oficializou na noite desta segunda-feira, a assinatura de acordo com a Caixa Econômica Federal para a quitação do empréstimo realizado para a construção da Neo Química Arena. A dívida é de R$ 611 milhões e será paga em 20 anos.

O Corinthians, inicialmente, começaria a pagar já em 2022, mas no novo acordo, começará a pagar os juros apenas no ano que vem. Serão R$ 300 milhões provenientes da negociação do Naming Rights à Neo Química e os outros R$ 311 milhões em parcelas de aproximadamente R$ 16 mi.

COMUNICADO DO ACORDO DO CORINTHIANS

“O Corinthians informa que assinou, hoje (25), os documentos do acordo entre o clube e a Caixa Econômica Federal para a renegociação das obrigações relativas ao financiamento para a construção da Neo Química Arena”, anunciou o clube. Desde 2020 que ambos vinham negociando uma nova maneira de chegar a um acordo pelo pagamento da dívida.

“Sua implementação será conduzida seguindo os termos e as condições contratuais. Com sua assinatura, o presidente Duilio Monteiro Alves deu continuidade à decisão tomada pelo Conselho Deliberativo do Corinthians em reunião realizada em 27 de junho de 2022”, seguiu a nota oficial. “Vale lembrar que houve unanimidade entre os conselheiros pela aprovação dos termos do acordo.”

Neo Química Arena, estádio do Corinthians. (Foto: Rodrigo Coca/Agência Corinthians)

BOA AVALIAÇÃO

O novo acordo foi avaliado como muito vantajoso pelos conselheiros corintianos, já que antes toda a renda era destinada para a Caixa e o clube ficava sem receitas para contratações, o que elevou a dívida em quase um bilhão.

Responsável pela renegociação, o presidente corintiano festejou a assinatura do novo acordo. “Assinamos! No ritmo que a negociação exigiu desde o dia 1. Com orgulho, damos este passo e agradeço a todos os envolvidos. Divido essa vitória com o presidente Andrés Sanchez, que iniciou esse processo, o Conselho e todos que torceram por nosso final feliz com a Caixa. Vai, Corinthians!”, postou Duílio Monteiro Alves.

Confira também: